Print this page

Presidente da República autorizou o ministro dos Transportes a celebrar contrato de empreitada para o Projecto de Desenvolvimento Integrado da Baía do Namibe.

2763858

O grupo empresarial japonês Toyota Tsusho pretende investir 525 milhões de euros num projeto, aprovado pelo Governo para o desenvolvimento da baía do Namibe, segundo o despacho n. 4/19 publicado em Diário da República nesta segunda-feira.

No documento, João Lourenço, autoriza o projecto e a sua inclusão para financiamento, na linha de crédito aberta para Angola pelo Banco do Japão para Cooperação Internacional (JBIC), bem como confere autoridade ao ministro dos Transportes, Ricardo Viegas de Abreu, a celebrar o contrato de empreitada com o referido consórcio japonês.

"Havendo necessidade de se garantir a continuidade e concretização do programa do Governo, no que tange à diversificação das fontes de financiamento para execução de projetos inseridos no Programa de Investimento Público e de outros programas e projectos de interesse nacional enquadrados no Plano de Desenvolvimento Nacional 2018 - 2022", justifica o despacho.

Fundado em 1887, o grupo japonês Toyota Tsusho, conta com mais de 12 mil trabalhadores e está presente, em várias áreas de negócio, de acordo com informação disponibilizada pela própria empresa, em 39 países, nomeadamente 34 em África.