wrapper

logo min

pten

PETRÓLEO. Depois de fornecer as ‘árvores de natal’ para o Kaombo Norte, num contrato avaliado em mais de dois mil milhões de dólares, prestadora almeja voltar a ser contratada pelos parceiros do Bloco 32, operado pela francesa Total.

47118118 494920394330772 5791252215943397376 n

A Prodiam Oil Service pretende, para 2019, voltar a participar da construção de um grande projecto petrolífero, depois da participação, através da empresa Aker Solution Enterprises, na construção do FPSO Kaombo Norte.

A intenção foi manifestada pelo CEO da empresa, Pedro Godinho, adiantando que trabalham no sentido de serem contratos para estarem envolvidos nos projectos Kaombo Sul e Dália, que se encontram em desenvolvimento.

A Prodiam Oil Service e a norueguesa Aker Solution formaram o consórcio Aker Solution Enterprises, empresa de direito angolano que, em 2014, assinou um contrato com os parceiros do bloco 32. Avaliado em 2,8 mil milhões de dólares, previa a construção de ‘árvores de natal’ (conjunto de válvulas instaladas em poços de exploração) e manefeitos para o FPSO Kaombo Norte.

Pedro Godinho, que falava durante a segunda conferência e exposição do conteúdo local, manifestou-se satisfeito com o resultado. “Por este importante projecto ter sido produzido em Angola e estar a funcionar perfeitamente há mais de três meses”, justificou-se.

Em Outubro, a Aker Solution anunciou um contrato para o fornecimento de modificações ‘brownfield’, manutenção e apoio às operações dos campos do Bloco Plutónio, operados pela BP. Segundo o comunicado na altura, o trabalho abrangia “o fornecimento de serviços de engenharia, aquisição e construção para projectos ‘brownfield’ nos navios flutuantes de produção, armazenamento e descarregamento (FPSO) localizados em cada campo”.

Em relação aos efeitos da crise, Pedro Godinho voltou a lembrar que os negócios da Prodiam foram “drasticamente afectados”, contabilizando que, das sete parcerias com companhias estrangeiras até 2013, restam apenas três. “As empresas foram morrendo umas atrás das outras. O determinante não somos nós, mas as condições de mercado, o mais importante agora é manter as estruturas erguidas”, explicou.

Para o ano de 2019, as metas passam também pela consolidaçao, expansão e recuperação de projectos de outras áreas que ficaram perdidas com a crise da baixa do preço petróleo.

A Prodiam é uma empresa angolana que opera no petróleo e gás, mineração, destacando-se na prestação de serviço. Além da Aker Solution, possui participações em várias ‘joint-ventures’ como são os casos da TEST Angola, BEL Valves da Newcastle UponTyne UK, Altea Resources, entre outros. Tem também interesses no ramo da restauração, com destaque para o Jango Veleiro.

 

Comentários

A Informação mais vista

O Valor Económico

É o órgão de eleição para a divulgação da sua marca entre os públicos mais exigentes, designadamente decisores políticos e empresários, profissionais médios e estudantes universitários. Pauta-se pelo rigor da informação e da análise dos temas relevantes que afectam directa ou indirectamente a economia angolana e internacional e afirma-se como espaço de promoção de ideias, através da opinião e do debate.

NewsLetter

Contactos

Para anunciar no Valor Económico, entre em contacto connosco.

Rua Fernão Mendes Pinto, Nº 35, Bairro Alvalade,
Distrito da Maianga – Luanda.

Comercial Telemóveis:

(Geovana Fernandes):

+244 941 784 792

(Arieth Lopes)

+244 941 784 791

Telefones:
+244 222 320510 / 222 320514

comercial@gem.co.ao