wrapper

logo min

pten

REVELAÇÃO. Antiga gestão de Matos Cardoso arrisca o segundo processo em tribunal, meses depois de a comissão de trabalhadores da empresa ter feito o mesmo.

20840449 795812210543931 1492822134 n

A antiga gestão da Feira Internacional de Luanda (FIL), entidade que até 2015 realizava a FILDA, deixou um passivo calculado em 160 milhões de dólares, soube o VALOR de fonte governamental.

O montante decorre de dívidas com expositores que já haviam pago as respectivas participações na abortada edição de 2016, pagamentos de 15 meses de salários dos trabalhadores, entre outros compromissos. A fonte referiu que o Estado, por via do Ministério da Economia, está a gerir a situação para depois chamar à responsabilidade os gestores da FIL, liderada, até aquele ano, por Matos Cardoso.

Para já, a questão dos salários em atraso de centenas dos antigos trabalhadores é das mais preocupantes para as autoridades. Há alguns meses, um grupo deles endereçou cartas à várias instâncias, como o Ministério da Economia, Casa Civil do PR, Assembleia Nacional e MAPTSS, apelando a sua intervenção para a solução do problema, mas sem sucesso de momento.

“O Governo assumiu já muitos dos compromissos e promete, a qualquer altura, dar uma resposta positiva aos funcionários da FIL. Eles não estão abandonados”, assegurou a fonte.

A mesma salienta que o Estado não descarta a possibilidade de processar os antigos gestores da FIL, considerando que estes deixaram um “fardo pesado para o Estado”. Desde Outubro do ano passado que o presidente do conselho da administração aparece de forma intermitente nas instalações da FILDA e os trabalhadores acusam o antigo gestor de evitar dar satisfações sobre a sua situação salarial ou o destino laboral.

Matos Cardoso tem evitado falar da questão desde a falência declarada da FIL. Ocupa-se actualmente da gestão de outros projectos, como é o caso de uma empresa do ramo têxtil, denominada SATEC, no Kwanza-Norte, onde desempenha as funções de presidente do conselho de administração.

 

Comentários

A Informação mais vista

O Valor Económico

É o órgão de eleição para a divulgação da sua marca entre os públicos mais exigentes, designadamente decisores políticos e empresários, profissionais médios e estudantes universitários. Pauta-se pelo rigor da informação e da análise dos temas relevantes que afectam directa ou indirectamente a economia angolana e internacional e afirma-se como espaço de promoção de ideias, através da opinião e do debate.

NewsLetter

Contactos

Para anunciar no Valor Económico, entre em contacto connosco.

Rua Fernão Mendes Pinto, Nº 35, Bairro Alvalade,
Distrito da Maianga – Luanda.

Comercial Telemóveis:

(Geovana Fernandes):

+244 941 784 792

(Arieth Lopes)

+244 941 784 791

Telefones:
+244 222 320510 / 222 320514

comercial@gem.co.ao