wrapper

logo min

pten

Lisboa garante colaboração no repatriamento de capitais angolanos, desde que não fique prejudicada. António Costa disse isso mesmo a João Lourenço, na visita oficial do Presidente de Angola.

13 acordos

O primeiro-ministro português, António Costa, prometeu a "total colaboração" de Portugal, "técnica, jurídica e fiscal", ao repatriamento de capitais ílicitos que estejam alocados em Portugal. No entanto, ressalvou, desde que isso "não coloque em causa a estabilidade do sistema financeiro" português. "Mais do que saber onde estão colocados os depósitos, mais importante é saber quem são os titulares desses depósitos", reforçou o chefe do governo português.

António Costa revelou que essa posição foi transmitida e "concertada" com o Presidente da República, em que João Lourenço garantiu que um possível repatriamento de capitais e fortunas "não colocará em causa o sistema financeiro português".

Na declaração final, do encontro entre os dois governantes, António Costa fez questão de sublinhar que "todo dinheiro que pertence a Angola, a Angola seja contabilizado".

Dito de outra forma, o primeiro-ministro português deu a entender que o dinheiro transferido para Portugal possa ter entrado no sistema financeiro português e até seja pertença de investidores ou empresas lusas. Além do combate à corrupção, o retratiamento de capitais ilícitos tem sido um dos principais 'cavalos de batalha' na política de João Lourenço.

O Presidente da República insiste que, até Dezembro, queria que os empresários angolanos fizessem regressar o dinheiro a Angola e começassem a investir no país.

Recentemente, em entrevista a um semanário português, João Lourenço admitiu que essa meta estava longe de ser atingida e que, até agora, não sabia quanto dinheiro estava no estrangeiro de forma ilícita.

Last modified on sexta, 23 novembro 2018
 

Comentários

A Informação mais vista

O Valor Económico

É o órgão de eleição para a divulgação da sua marca entre os públicos mais exigentes, designadamente decisores políticos e empresários, profissionais médios e estudantes universitários. Pauta-se pelo rigor da informação e da análise dos temas relevantes que afectam directa ou indirectamente a economia angolana e internacional e afirma-se como espaço de promoção de ideias, através da opinião e do debate.

NewsLetter

Contactos

Para anunciar no Valor Económico, entre em contacto connosco.

Rua Fernão Mendes Pinto, Nº 35, Bairro Alvalade,
Distrito da Maianga – Luanda.

Comercial Telemóveis:

(Geovana Fernandes):

+244 941 784 792

(Arieth Lopes)

+244 941 784 791

Telefones:
+244 222 320510 / 222 320514

comercial@gem.co.ao