wrapper

logo min

pten

Na periferia da cidade do Huambo, onde há três anos se previa a transferência dos armazéns grossistas não há infra-estruturas e por isso o processo está parado. Revelou hoje à Angop, Gualdino Kuayela Muenho, chefe da inspecção e fiscalização do Gabinete do Comércio, Indústria, Geologia e Minas na província.

02b20fa6a 4b21 4202 8bfe 87d262c04f8f

“Faltam infra-estruturas para acomodação dos comerciantes grossistas. Os espaços já identificados não possuem condições mínimas, de descarregamento de mercadorias e estacionamento de viaturas próxima aos estabelecimentos”, reforçou o responsável.

A intenção de transferir os grossistas para lá do casco urbano é antiga e de acordo com Guadiano Menho visa descongestionar a cidade, e com isso reduzir o impacto negativo dessa actividade comercial, sobretudo, em termos de saneamento básico.

Para ‘aliviar’ os transtornos na cidade, o chefe da inspecção e fiscalização do gabinete do Comércio, Indústria, Geologia e Minas indicou, que o Governo provincial está a apreciar o projecto de transferência para serem encontradas as melhores soluções.

 

Comentários

A Informação mais vista

O Valor Económico

É o órgão de eleição para a divulgação da sua marca entre os públicos mais exigentes, designadamente decisores políticos e empresários, profissionais médios e estudantes universitários. Pauta-se pelo rigor da informação e da análise dos temas relevantes que afectam directa ou indirectamente a economia angolana e internacional e afirma-se como espaço de promoção de ideias, através da opinião e do debate.

NewsLetter

Contactos

Para anunciar no Valor Económico, entre em contacto connosco.

Rua Fernão Mendes Pinto, Nº 35, Bairro Alvalade,
Distrito da Maianga – Luanda.

Comercial Telemóveis:

(Geovana Fernandes):

+244 941 784 792

(Arieth Lopes)

+244 941 784 791

Telefones:
+244 222 320510 / 222 320514

comercial@gem.co.ao