wrapper

logo min

pten

Os partidos e a coligação concorrentes às eleições gerais de 2017 não foram capazes de apresentar suporte documental adequado para justificar as despesas efectuadas com a campanha eleitoral e os delegados de listas.

03bb0efca 5746 46e3 91d8 4c94050b03c7

“A prestação de contas foi feita e a CNE constatou algumas falhas em todas as candidaturas. Compreendemos os administradores eleitorais das candidaturas tenham tido algumas dificuldades na recolha e no tratamento da informação para que a mesma correspondesse às contas certas”, disse Lucas Quilundo, porta-voz da CNE.

Em declarações ao Jornal de Angola, o porta-voz da CNE adiantou que devido às falhas dos partidos e coligações de partidos as contas das candidaturas foram aprovadas com reservas e vão agora ser encaminhadas para o Tribunal de Contas, que verificada a regularidade ou irregularidade.

Concorreram nas eleições gerais de 2017, realizadas a 23 de Agosto, o MPLA, UNITA, APN, PRS, FNLA e a coligação CASA-CE.

 

Comentários

A Informação mais vista

O Valor Económico

É o órgão de eleição para a divulgação da sua marca entre os públicos mais exigentes, designadamente decisores políticos e empresários, profissionais médios e estudantes universitários. Pauta-se pelo rigor da informação e da análise dos temas relevantes que afectam directa ou indirectamente a economia angolana e internacional e afirma-se como espaço de promoção de ideias, através da opinião e do debate.

NewsLetter

Contactos

Para anunciar no Valor Económico, entre em contacto connosco.

Rua Fernão Mendes Pinto, Nº 35, Bairro Alvalade,
Distrito da Maianga – Luanda.

Comercial Telemóveis:

(Geovana Fernandes):

+244 941 784 792

(Arieth Lopes)

+244 941 784 791

Telefones:
+244 222 320510 / 222 320514

comercial@gem.co.ao