wrapper

logo min

pten

As economias da África subsaariana devem crescer 3,3% este ano e 3,5% em 2019, indica o relatório sobre as ‘Perspectivas Económicas Mundiais’ do Fundo Monetário Internacional, hoje divulgado em Washington.

Africa

"O crescimento recuperou na África subsaariana, de 2,7% em 2017 para 3,3% em 2018 e 3,5% em 2019, tal como foi, genericamente, antecipado no Outono", escrevem os analistas do FMI, citados pela Lusa, na actualização das previsões de Outubro.

"Houve uma modesta revisão em alta para a Nigéria, mas o crescimento deverá ser um pouco mais baixo na África do Sul, ficando abaixo de 1% em 2018 e 2019 devido ao aumento da incerteza política e ao seu impacto na confiança e no investimento", acrescentam os especialistas.

O FMI reviu em baixa de 0,1 pontos o crescimento previsto para a África subsaariana para este ano, e aumentou em 0,1 pontos a previsão para o próximo ano, mas não apresenta explicações sobre esta ligeira alteração.

Para o Brasil, o único país lusófono para o qual há estatísticas específicas, o FMI considera que o país vai crescer, afinal, 1,9% este ano e 2,1% em 2019, o que representa uma revisão em alta de 0,4 pontos para este ano e 0,1 pontos para o seguinte.

 

Comentários

A Informação mais vista

O Valor Económico

É o órgão de eleição para a divulgação da sua marca entre os públicos mais exigentes, designadamente decisores políticos e empresários, profissionais médios e estudantes universitários. Pauta-se pelo rigor da informação e da análise dos temas relevantes que afectam directa ou indirectamente a economia angolana e internacional e afirma-se como espaço de promoção de ideias, através da opinião e do debate.

NewsLetter

Contactos

Para anunciar no Valor Económico, entre em contacto connosco.

Rua Fernão Mendes Pinto, Nº 35, Bairro Alvalade,
Distrito da Maianga – Luanda.

Comercial Telemóveis:

(Geovana Fernandes):

+244 941 784 792

(Arieth Lopes)

+244 941 784 791

Telefones:
+244 222 320510 / 222 320514

comercial@gem.co.ao