wrapper

logo min

pten

MERCADOS. Estudo mostra que consumo de cerveja aumentou, passando de 28% para 33,7% e que os bancos BFA, BPC e BIC lideram em termos de penetração. Nova Gazeta volta a ser, sem surpresa, o semanário mais lido.

23667093 1783035438374222 1759891979 n

Apenas 18% da população luandense frequenta, uma vez por ano, as salas de cinema, segundo o estudo de mercado da Marketest 2017, que analisou o consumo de bens, serviços, média, planeamento e investimento publicitário dos consumidores de Luanda, num universo de mais de quatro mil indivíduos maiores de 15 anos inquiridos. Na incursão ao universo das telecomunicações em Luanda, o estudo apurou que 84% dos consumidores possuem telemóvel, assinalando que a cifra já foi maior em 2015, quando atingiu 88,7%.

Relativamente à banca, o estudo concluiu que cada vez mais pessoas possuem contas bancárias, correspondendo, em 2017, a 57,6 %, resultado de um crescimento de cerca de 11% em relação aos dois últimos anos. Os restantes 42% não bancarizados justificam a situação com a falta de dinheiro, emprego e de documentos.

Ainda no universo da banca comercial, o trio de bancos BFA, BPC e BIC lidera em termos de penetração. Neste sector, o estudo destaca ainda que 76,1% dos luandenses possuem um cartão de débito, registando um ligeiro aumento em comparação ao ano de 2016.

No que diz respeito aos seguros, Ana Paula, directora da Marktest Angola, assinala o crescimento que se regista, com o estudo a referir que 14% da população luandense possui seguro, sendo o de automóvel o mais utilizado. Além disso, a gestora realça que o crescimento neste segmento está a fomentar muito investimento na imprensa, que se cifrou em 126,3 milhões de kwanzas. A televisão reclamou 56,6 milhões de kwanzas, ao passo que a rádio se ficou pelos 14,7 milhões.

Nova Gazeta, o semanário mais lido

Ainda no segmento dos média, a televisão assume-se como o meio “mais impactante” em relação aos demais órgãos em Luanda. O canal 1 da TPA lidera a audiência, com o Telejornal a destacar-se como o programa de maior preferência dos telespectadores. A ZAP preenche imediatamente o lugar a seguir da audiência que muito se revê na Zap novelas.

Transferindo a medição da audiência para a rádio, das 12 estações escrutinadas, a Rádio Luanda continua a dominar a preferência da audiência dos luandenses, seguida da Radio 5 e da Despertai.

Quanto à medição de serviço de televisão pago, a liderança recaiu sobre a Zap, seguida respectivamente pela Dstv, Tv Cabo, televisão comunitária, canal aberto e a Infrasat.

Ao abordar a imprensa, a directora da Marketest considera ser “mais difícil” estabelecer os níveis de audiências, face às diferentes tipologias, mas adiantou que o ‘Jornal de Angola’ lidera relativamente aos diários, batendo o seu concorrente mais direito, o jornal ‘o País’.

No caso dos semanários, o ‘Nova Gazeta’ destaca-se no ranking dos mais lidos, seguido do ‘Folha 8’. Já nas revistas, a Lux, a única revista de publicada com periodicidade semanal, lidera.

Virando o enfoque para os alimentos e bebidas, o estudo evidencia que “o consumo de cerveja em Luanda aumentou, passando de 28% para 33,7 % entre 2015 e 2017”. Quanto aos refrigerantes, a pesquisa destaca que está a acontecer a retoma do consumo, cifrando-se, hoje, em 80%, com o registo de uma subida de 7% em relação a 2016.

Ana Paula conclui que, em termos de produtos de grande consumo, este ano houve uma retoma face a 2016, mas ainda não se equipara a 2015. “O ponto crucial da crise económica foi o ano passado, este ano há retoma em quase todos os sectores da alimentação, bebidas e banca.”

A Marktest Angola tem como missão desenvolver a recolha, tratamento e prestação de serviços especializados no campo dos estudos de mercado, publicidade e marketing.

 

Comentários

A Informação mais vista

O Valor Económico

É o órgão de eleição para a divulgação da sua marca entre os públicos mais exigentes, designadamente decisores políticos e empresários, profissionais médios e estudantes universitários. Pauta-se pelo rigor da informação e da análise dos temas relevantes que afectam directa ou indirectamente a economia angolana e internacional e afirma-se como espaço de promoção de ideias, através da opinião e do debate.

NewsLetter

Contactos

Para anunciar no Valor Económico, entre em contacto connosco.

Rua Fernão Mendes Pinto, Nº 35, Bairro Alvalade,
Distrito da Maianga – Luanda.

Comercial Telemóveis:

(Geovana Fernandes):

+244 941 784 792

(Arieth Lopes)

+244 941 784 791

Telefones:
+244 222 320510 / 222 320514

comercial@gem.co.ao